segunda-feira, 19 de abril de 2010

Cão lobo checoslovaco


O Cão Lobo Checoslovaco é uma raça relativamente nova de cães que contém traços da sua linhagem original de uma experiência conduzida em 1955 na antiga Checoslováquia. Depois de inicialmente cruzar um Pastor Alemão com um lobo da região dos Cárpatos, o plano trabalhou em criar uma raça híbrida que combinava as qualidades desejadas de ambos animais. Ela foi oficialmente reconhecida como uma raça nacional na Checoslováquia em 1982, e em 1999 ficou sendo no FCI o padrão 332, grupo 1, seção 1, junto com o Border Collie e o Pastor Alemão, entre outros.

Temperamento

O Cão Lobo é mais versátil do que especializado. É rápido, vívido, muito ativo, destemido e corajoso.
O Cão Lobo desenvolve uma relação social muito forte não apenas com seu dono, mas com toda a família. Ele pode facilmente aprender a conviver com outros animais domésticos que pertencem à família; porém, podem ocorrer dificuldades quando se encontram com animais estranhos. É vital subjugar a paixão do Cão Lobo por caça quando eles são filhotes em razão de evitar um comportamento agressivo quando o cão for adulto. O Filhote nunca deve ser isolado em um canil; ele deve ficar acostumado com os arredores para ir e vir quando necessitar. As fêmeas são facilmente controláveis; os machos freqüentemente experienciam uma adolescência tempestuosa.
O Cão Lobo é muito brincalhão e temperamental. Ele aprende rápido. Pode-se admirar melhor suas qualidades versáteis do que sua especialização. Entretanto, não devemos esperar que ele vá treinar espontaneamente: o comportamento do Cão Lobo é estritamente proposital - é necessário achar uma motivação para o treino. A maioria dos casos de fracasso em treiná-lo deve-se usualmente ao fato de que o cão está cansado com as longas e inúteis repetições do mesmo exercício, o que resulta em perda de motivação. Estes cães têm admiráveis sensos e são muito bons em seguir trilhas. São bastante independentes e podem cooperar na matilha com algum propósito especial. Se necessário, podem facilmente trocar as suas atividades para as horas noturnas. O trabalho independente da matilha sem o controle necessário de algum humano foi a reação para seu uso militar. Algumas vezes problemas podem ocorrer quando no treino é necessário que o cão lata. Os Cães Lobo Checoslovacos tem muitas maneiras de se expressarem e em algumas situações o latido não é natural para eles; eles tentam se comunicar com seus mestres de outros modos. Geralmente, para treinar um Cão Lobo com uma performance confiante e estável leva um pouco mais tempo do que levaria para treinar uma outra raça especializada tradicional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário